Sondagem aponta otimismo entre os empresários capixabas do setor da construção

23 de Set

A pesquisa Sondagem Indústria da Construção de agosto de 2020 para o Espírito Santo mostrou um cenário mais favorável para o setor em comparação a julho. O índice de número de empregados cresceu de 40,5 para 44,8 pontos entre julho e agosto, apresentando o quarto aumento consecutivo. Como o índice permanece abaixo da linha dos 50 pontos, o resultado de agosto aponta para um recuo do número de empregados das empresas pesquisadas, embora seja uma queda menos disseminada que as dos meses anteriores.

A Utilização da Capacidade de Operação registrou 62,0% em agosto, com alta de 2,0 pontos percentuais em relação a julho. Por sua vez, o indicador de nível de atividade recuou 2,1 pontos e atingiu 44,5 pontos. Esse resultado mostra que a indústria da construção ainda sente os efeitos negativos gerados pela pandemia de Covid-19.

Expectativas

Em setembro, os industriais capixabas da construção passaram a demonstrar otimismo pela primeira vez desde o início da pandemia. Os índices de expectativas, que vinham se recuperando desde abril, ultrapassaram a linha divisória dos 50 pontos, que divide pessimismo e otimismo. O destaque foi o índice de expectativas em relação ao nível de atividade, que cresceu 7,2 pontos na passagem de agosto para setembro e atingiu 54,8 pontos.

O índice de intenção de investimento revela um novo aumento da propensão a investir por parte dos empresários da construção. O indicador apresentou alta de 3,5 pontos em setembro, em comparação a agosto, alcançando 47,5 pontos. Trata-se do quinto aumento consecutivo do indicador, que já supera o patamar que se encontrava antes da pandemia.

      O Ideies divulga mensalmente um painel dinâmico e interativo com os resultados da pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) para o Espírito Santo e para o Brasil.

      Além disso, trimestralmente, o leitor tem disponível um relatório com análise dos indicadores relacionados ao nível de atividade da indústria capixaba e às expectativas para os próximos seis meses.

      Acesse o relatório com as informações do 2º trimestre de 2020 aqui


TAGS: