ES ACUMULA DÉFICIT DE US$ 784 MILHÕES NA BALANÇA COMERCIAL EM 2020

As exportações do Espírito Santo acumuladas de janeiro a setembro de 2020 alcançaram US$ 3.900 milhões, o que representa uma queda de 45,2% em relação ao mesmo período do ano anterior, demonstrando o impacto significativo da pandemia de Covid-19. As importações subiram 4% em 2020, na comparação com o mesmo período do ano anterior. Com a forte queda das exportações e alta das importações, a balança comercial capixaba acumulou déficit de US$ 784 milhões no ano de 2020.

De julho a setembro de 2020 as exportações do Espírito Santo caíram 63,8% em relação ao mesmo período do ano anterior. A forte queda de valor foi determinada por retração da quantidade (-55,3%) e do preço (-19,2%) dos bens exportados, como observado pelos índices de preço e quantum. Além disso, essa contração se deve ao registro contábil de uma plataforma de petróleo da Petrobras em setembro de 2019, o que inflou o valor das exportações deste período. As importações capixabas contraíram 5,2% no terceiro trimestre de 2020 em relação ao mesmo período de 2019.

Considerando apenas os 10 principais produtos exportados pelo Espírito Santo no terceiro trimestre de 2020, a queda de valor foi de 36,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior. O valor das exportações dos outros produtos caiu 92,0%. Os bens básicos, grupo de maior peso na pauta de exportações capixaba, retraíram 38,4% por redução de 25,0% da quantidade e 17,7% do preço. Os semimanufaturados caíram 39,8%, por uma forte retração do preço de 31,4%. As exportações de bens manufaturados recuaram 63,7%, o que é explicado pela redução de 19,2% do preço e, principalmente, pela queda na quantidade de 79,8%.  

Mesmo com a queda do total das exportações do Espírito Santo no terceiro trimestre de 2020, alguns produtos se destacaram na comparação com o ano anterior. As exportações de café cresceram 14,8% em valor e 22,2% em quantidade e o valor das exportações de pimenta aumentou 36,0%. O valor das exportações de pedras de cantaria cresceu 7,0%, com aumento na quantidade exportada (17,2%).

O valor das exportações do Espírito Santo para os Estado Unidos teve a terceira queda trimestral consecutiva, com variação de -27,1% na comparação entre terceiro de 2020 e o mesmo período do ano anterior.

O valor exportado total de US$ 410,8 chegou ao menor nível destinado a este país desde 2010. A queda das exportações para os Estados Unidos foi fortemente impactada pela diminuição de valor de dois produtos: as pastas químicas de madeira (-29,4%) e os óleos brutos de petróleo (-85,1%).