Espírito Santo cria 2.929 postos formais em setembro de 2019

Em 17 de outubro de 2019 a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia divulgou os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), referente a movimentação do mercado de trabalho formal no mês de setembro de 2019.

No mês

A movimentação do mercado formal capixaba em setembro resultou na criação de 2.929 novos postos de trabalho no mês. Este resultado foi 12% inferior ao registrado no mesmo mês de 2018, mas sustenta o crescimento de postos verificado para o mês nos últimos 3 anos.

Os setores que mais ampliaram postos foram comércio (+1.083) e serviços (+1.077). No comércio, 96% das novas vagas abertas foram em atividades do comércio varejista e no setor de serviços, as atividades com mais vagas criadas foram em comercialização e administração de imóveis, valores mobiliários, serviço técnico (+408) e serviços de alojamento, alimentação, reparação, manutenção, redação (+319).

Na construção civil também houve criação novos postos formais (+497), assim como na indústria de transformação (+299), com registro de ampliação de postos puxado pelas novas contratações em atividades de têxtil do vestuário e artefatos de tecidos (+122), da indústria mecânica (+110) e da indústria metalúrgica (+105). A redução de postos foi registrada mais fortemente no setor de agropecuária (-155).

Para o Brasil, o resultado do mês também foi positivo, com a criação de 157.213 postos formais no mês de setembro, impulsionado pela abertura de novas vagas nos setores de serviços (+64.533), indústria de transformação (+61,255), comércio (+26.918) e construção civil (+18.331). O resultado do mês superou em 14% o registrado para o mesmo mês de 2018.

Acumulado no ano

De janeiro a setembro de 2019, o mercado de trabalho formal capixaba acumulou a criação de 18.235 novos postos formais, resultado 9% superior ao registrado para o mesmo período de 2018. No ano, os setores com mais vagas criadas foram serviços (+9.915), indústria de transformação (+3.208), construção civil (+3.043) e agropecuária (+1.628).

A nível de Brasil houve uma criação de 761.776 novos postos celetistas de janeiro a setembro de 2019, um aumento de 6% do total de vagas criadas na comparação com o mesmo período de 2018. Este bom resultado foi impulsionado pelas novas vagas abertas nos setores de serviços (+423.837), indústria de transformação (+137.269), construção civil (+116.530) e agropecuária (+84.641).

    Acompanhe mês a mês, de forma dinâmica e interativa, a quantidade de empregados admitidos e desligados, além do saldo de postos de emprego com carteira assinada tanto para o Brasil quanto para o Espírito Santo e municípios do ES.

    O leitor interessado em uma análise setorizada também encontrará no painel abaixo todas essas informações segmentadas por setor de atividade econômica e por ocupações.

Sobre o(a) editor(a) e outras publicações de sua autoria

Suiani Febroni

Economista graduada na UFES e mestre em Desenvolvimento Econômico pela Unicamp. Atua como Analista de Estudos e Pesquisas na Gerência do Observatório da Indústria. Pesquisa temas relacionados à atividade econômica, mercado de trabalho e educação.