Sondagem Industrial indica avanço da produção e do emprego na indústria do Espírito Santo em maio de 2024

PUBLICADO EM 02 Jul 2024

A pesquisa Sondagem Industrial do Espírito Santo mostrou aquecimento da produção industrial capixaba em maio de 2024. Frente a abril, o índice de volume de produção cresceu 4,6 pontos e cruzou a linha divisória de 50,0 pontos (que separa contração de expansão) ao registrar 53,2 pontos. Este foi o primeiro registro acima de 50,0 pontos em 5 meses, sinalizando melhora no volume de produção da indústria capixaba.

O emprego também avançou na indústria do Espírito Santo, aponta a pesquisa. Na passagem de abril para maio, o indicador de número de empregado moveu-se de 48,1 para 51,5 pontos, um crescimento de 3,4 pontos. Ao se situar na zona de crescimento (acima de 50,0 pontos), o indicador passa a apontar aumento do número de empregados industriais.

Os estoques de produtos finais, por sua vez, se mantiveram estáveis em evolução e, apesar do aumento no indicador, também permaneceram aquém do planejado pelos industriais. Em maio frente a abril, o índice de evolução de estoques indicou estabilidade ao recuar 0,2 ponto, marcando 49,9 pontos; e o índice de produtos finais em relação ao planejado indicou estoques inferiores ao planejado ao registrar 48,9 pontos (+1,3 ponto frente a abril).

Expectativas

Em junho de 2024, a Pesquisa Sondagem Industrial mostrou otimismo mais moderado dos industriais capixabas. No mês, todos os indicadores de expectativas se mantiveram acima de 50,0 pontos, apontando otimismo, mas recuaram frente ao mês anterior.

As perspectivas para compras de matéria-prima apresentaram maior registro em junho (55,2 pontos), mesmo com o declínio de 3,4 pontos no indicador. Em sequência, as perspectivas para demanda por produtos obtiveram registro de 55,1 pontos no índice, ainda que ele tenha recuado 4,8 pontos frente a maio. Seguiram acima de 50,0 pontos também as expectativas para quantidade exportada, com o registro de 52,9 pontos (uma queda de 6,7 pontos ante a maio) e as expectativas para número de empregados, com o marco de 50,4 pontos (um recuo de 1,8 ponto frente a maio).

Por sua vez, os industriais do Espírito Santo se mostraram mais propensos em investir nos próximos 6 meses. Na passagem de maio para junho, o índice de intenção de investimento aumentou 2,1 pontos, registrando 60,3 pontos (neste indicador, não há linha divisória, quanto maior o registro, maior a intenção).



A Sondagem Industrial é uma pesquisa de opinião, e seu objetivo é acompanhar o desempenho e as perspectivas do setor, gerando indicadores de tendência passada e futura e de satisfação, que permite a empresários e analistas econômicos acompanhar a evolução recente da indústria.

Tags:

Sobre o(a) editor(a) e outras publicações de sua autoria

Sara Sarandy

Bacharel e licenciada em Ciências Biológicas pela FAESA. Graduanda em Ciências de Dados pela Uninter. Atua como Assistente de Estudos e Pesquisas na Gerência de Inteligência de Dados e Pesquisas. Responsável por auxiliar nas demandas de pesquisas primárias, coleta e tratamento de dados.